09 julho 2009

CORPOALÍNGUA: PERFORMANCE E ESQUIZOANÁLISE

POS-DOUTORADO 2009

Prog Estudos de Pós-Graduação em Psicologia Clínica, PUC/SP, Núcleo de Estudos da Subjetividade, com supervisão de Peter Pál Pelbart e auxílio da FAPESP.

Teatro, filosofia, literatura, psicanálise são campos intercessores e emergentes a essa prática artística inaugurada em 1988 que se executa, hoje, como uma vivência performática no campo da arte da performance – objeto de pesquisa de mestrado, doutorado e pós-doutorado com o título teatro desessência / corpoemaprocesso. A natureza processual dessa experiência de pesquisa produz esse continuum com limites móveis e sempre deslocados. O presente projeto dirige-se ao estudo aprofundado do pensamento de Gilles Deleuze e Félix Guattari, cercando, principalmente, a idéia de corpo sem órgãos, termo apropriado de Antonin Artaud, e de esquizoanálise – análise simultânea das máquinas desejantes e dos seus investimentos sociais – inserida como parte operacional do fazer artístico. Estas noções transitam na práxis-teórica da experiência performática do teatro desessência: experiência do puro vivido que inscreve o corpo numa lógica das multiplicidades, fusão de relações em constante variação no exercício do viver em intensidade. CORPOALÍNGUA: PERFORMANCE E ESQUIZOANÁLISE é um experimento performático do aqui-agora, de onde o corpo nasce do esquecimento, pondo por terra seu discurso orgânico normativo, sócio-comunicativo dominante e a atividade de seu pensamento que só sabe agir como um Outro. No espaço, um corpoescritura inscreve uma fala subterrânea e rizomática, impelindo a linguagem ao seu ponto de suspensão, ao desconhecido – o fora da linguagem. No enlace e desenlace da língua e do desejo, balbucia alíngua no imanente ato criador, pensamento da carne em pleno acontecimento artístico coletivo.

Performance e esquizoanálise são intercessoras de uma atividade criadora, descentrada e deslocada dos domínios constituídos. Não há nada para superar ou renunciar, trata-se de operar em uma zona mais profunda, pondo em marcha a produção desejante sobre o corpo sem órgãos e experimentar a fundo "a partir das forças do presente".


CORPOALÍNGUA 4 X 4
Clóvis Domingos, Matheus Silva, Nicolas Corres Lopes, Clarissa Alcantara
V Semana de Artes da UFOP, Ouro Preto, maio de 2009
Videoatoprocesso, Arte gráfica e edição de imagem: Clarissa Alcantara
Imagens em vídeo do evento: Mariana Zippinotti

n3ps

Nicolas Corres. Clóvis Domingos. Edson Duarte. Matheus Silva


Edson Costa Duarte, Lírica Impura III, 1. Ed, Rio de Janeiro: CBJE, 2008.


“Cada uma das palavras de que se faz um drama, uma vez lançadas no tabuleiro de Deleuze, rodopiam e ganham um novo sentido ou evaporam alegremente em favor daquilo que pedia passagem e que cabe à filosofia experimentar a partir das forças do presente.


Peter Pál Pelbart. Gilles, tu nous manques, mais on se débrouille, 2005.

7 comentários:

Rubiane disse...

Olá Clarissa, gostei muito do seu blog... achei de passagem, mas voltarei para ver mais. Parabéns pelo trabalho.

Gostaria de compartilhar contigo algumas idéias.

Bjos

. disse...

Oi Clarissa,
Gostei muito da pesquisa. Sou artista plástica (trabalho com teatro e videoarte) e estou em busca de um esquizoanalista aqui no Rio de Janeiro. Você saberia me indicar algum??

. disse...

Ah, esqueci de me apresentar no comentario anterior perguntando sobre esquizoanálise no Rio. Meu nome é Lara e meu e-mail é lara.paciello@gmail.com
Obrigada!

Sheyla / Eu disse...

... e então querer-te-ia se assim pudesse quer-te-ir...
Decifra-me ou te devoro, com o prazer da salvação daqueles que tem o desejo libidinoso de te devorar salvando. (...)

Mariana disse...

Olá, eu também gostaria de saber sobre cursos de esquizoanálise no Rio de Janeiro. Tenho encontrado em várias abordagens, mas na esquizoanálise tenho tido dificuldade.
Meu e-mail é: mrferreira.psi@gmail.com

Obrigada

Mariana

Rebecca Dorneles disse...

Oi, Clarissa
Antes de tudo queria parabenizá-la pelo blog, está muito bonito mesmo!
Na verdade, eu estava pela net procurando atendimento em esquizoanálise aqui no Rio, quando encontrei seu blog.
Pensei que talvez vc tivesse alguém pra me indicar... Obrigada pela atenção.

Beijos!

c. tinôco disse...

olá clarissa, assim como algumas pessoas acima, estava procurando atendimento em esquizoanálise no rio e encontrei o seu blog.

você pode indicar algum lugar?
abraços!

tinococarolline@gmail.com